Instituto de Alta Cultura

Ações disponíveis

Ações disponíveis ao leitor

Representação digital

Instituto de Alta Cultura

Consultar no telemóvel

Código QR do registo

Partilhar

 

Instituto de Alta Cultura

Detalhes do registo

Nível de descrição

Unidade de instalação   Unidade de instalação

Código de referência

PT/FCT/FRDA/001/60

Tipo de título

Atribuído

Título

Instituto de Alta Cultura

Datas de produção

1972  a  1975 

Dimensão e suporte

Papel A4 e outros formatos

Extensões

1 Capilha

Âmbito e conteúdo

Documentação relacionada com o Instituto de Alta Cultura, organismo que antecedeu o INIC, tendo sido extinto no mesmo momento da criação deste último Instituto, em 1976. Com efeito, o INIC herdou uma estrutura organizacional e funcional montada que grosso modo iria reproduzir. A documentação mais antiga reporta-se ao ano de 1972, na conjuntura do último Plano de Fomento, com a tentativa então realizada de conferir maior escala e visibilidade pública à investigação científica portuguesa, na maior parte já instalada em universidades. Desse mesmo ano, data um «Despacho ministerial» que reforça a necessidade e urgência do desenvolvimento das atividades de C&T. Já de 1974 data um ofício da «pró-OTC - Organização dos trabalhadores científicos» em resposta a um «Encontro sobre orientação e fomento da investigação científica convocada pela Secretaria de Estado dos Assuntos Culturais e Investigação Científica, nos dias 13-15 de novembro». Por último, documentos agregados sobre «Projetos de diplomas para a criação de centros e institutos de investigação no âmbito do IAC (reportando-se, de acordo com nota manuscrita, a uma Circular n.º 8/74 da Secretaria de Estado dos Assuntos Culturais e da Investigação Científica, de 15 de novembro de 1974), subsistindo cópias de vários projetos (unidades e centros de engenharia, linguística, minas, economia e direito etc., entre os quais - pelo seu detalhe e cuidada organização formal - se destaca o «Projecto de Estatuto para o Centro de Estudos Geográficos de Lisboa», que remonta a história deste Centro). Incluem-se ainda listas de publicações e de centros, regulamentos, correspondência e ofícios, entre os quais um, de Ilídio do Amaral dirigido a Fernando Roldão Dias Agudo, com data de 5 de fevereiro de 1975, no qual se despede de cargo de presidente do IAC.

Localização física

A/24/12/4

Cota descritiva

A.24.12.4

Cota original

14391/60

Cota antiga

015

Idioma e escrita

Português (por)

Características físicas e requisitos técnicos

Bom estado