2.º Serviço - Produtividade, Organização Científica da Produção e do Trabalho Industrial

Available actions

Reader available actions

 

2.º Serviço - Produtividade, Organização Científica da Produção e do Trabalho Industrial

Description details

Description level

Subsection   Subsection

Reference code

PT/FCT/INII/GCCPI-SPOCPTI

Title type

Formal

Date range

1955  to  1968 

Dimension and support

Documentos textuais: papel, A4

Extents

0.56 Metros lineares

Producer

Gabinete Central de Coordenação, Planeamento e Informação - Produtividade, Organização Científica da Produção e do Trabalho Industrial [GCCPI - APOCPTI]

Biography or history

Em 1959 nasce o 2.º Serviço - Produtividade, Organização Científica da Produção e do Trabalho Industrial, que terá impacto no desenvolvimento industrial do país. Numa época de entusiasmo pelo estudo da Organização Científica do Trabalho (OCT), a produtividade tinha como objetivo concorrer para a melhoria do rendimento do trabalho, com auxílio dos métodos científicos de organização do mesmo.

O 2.º Serviço de Produtividade desempenhou um papel de assinalável importância na veiculação de conhecimentos técnicos à indústria, tendo da mesma forma cumprido um papel de relevo na formação de quadros técnicos e recém-licenciados, tendo alguns dos quais desempenhado posteriormente cargos de relevo em vários sectores.

O Serviço de Produtividade fazia parte dos serviços técnicos e era organicamente dependente da Direção do INII. Estava dividido nas áreas da "Investigação e Estudos" (organização e controle da gestão de empresas, organização e produção e problemas humanos) e "Assistência à Indústria" (apoio técnico, formação, promoção de relações exteriores).

Para chefiar a equipa António de Magalhães Ramalho escolhe o eng.º Eduardo Gomes Cardoso, para pôr de pé uma máquina de divulgação/formação de boas práticas de gestão e para introduzir o tema da produtividade através de estudos sectoriais e outros, nas políticas públicas.

Resultante desta política serão organizadas palestras, tendo o 1.º ciclo de conferências universitárias tido lugar em Lisboa, Porto e Coimbra. Os temas eram apresentados por especialistas nacionais e estrangeiros e destinavam-se a esclarecer as elites nacionais sobre questões básicas da produtividade.

Pretendia-se numa segunda fase a multiplicação de agentes aptos de divulgar as novas técnicas e conceitos junto da indústria. Para tal seriam organizados cursos livres de seis semanas, que se realizariam entre fevereiro e março de 1960.

A terceira fase consistiria numa ação prática levada a cabo diretamente junto da industria e dos industriais.

Geographic name

Rua de São Domingos à Lapa, 2.º e 3.º andar, n.º 117, Lisboa

Functions, ocupations and activities

Competia ao 2.º Serviço - Produtividade, Organização Científica da Produção e do Trabalho Industrial, estudar os problemas relativos à organização científica da produção e do trabalho das atividades industriais no aspeto humano, tecnológico e económico.

Internal structure/genealogy

O 2.º Serviço fazia parte dos serviços técnicos era organicamente dependente da Direção do INII e subdivide-se em:

1 - Investigação e Estudos - organização e controle da gestão de empresas; organização e produção, problemas humanos;

2 - Assistência à Indústria - apoio técnico, formação, promoção de relações exteriores.

Custodial history

O INII foi extinto em 14 de maio de 1976, tendo sido integrado no LNETI (Laboratório Nacional de Tecnologia Industrial), que em 2004 passará a ter a designação de INETI (Instituto Nacional de Energia, Tecnologia e Inovação) e de LNEG (Laboratório Nacional de energia e Geologia) em 2007. De todo o espólio documental sobraram apenas cerca de 30 metros lineares, sendo este composto por cerca de oito centenas de unidades, entre documentos administrativos e publicações.

A documentação foi entregue ao Arquivo de Ciência e Tecnologia, em 2015, por auto de doação com o LNEG.

Language of the material

Em português (por), contendo documentos em outras línguas, nomeadamente inglês (eng), francês (fra) e espanhol (spa).